A SharpSpring usa métricas padrão para gerar relatórios o desempenho dos e-mails enviados. Este artigo explica as várias métricas de relatórios de e-mail, e como tais métricas e estatísticas são pertinentes para você e seus clientes.

Entendendo o Desempenho

Entender como seus trabalhos de e-mail e listas estão funcionando é fundamental para alcançar um bom status de envio, garantindo que seus e-mails continuem a alcançar seus contatos. Para garantir a entrega das campanhas de e-mail aos seus contatos, é importante provar aos ISPs que você tem um histórico de fornecer conteúdo relevante aos destinatários que desejam recebê-los. Com os ISPs se distanciando cada vez mais da reputação de envio do seu domínio, cada trabalho que você envia tem o potencial de impactar sua reputação de envio. Entender essas métricas ajuda seus e-mails a alcançar a caixa de entrada.

Mensagens Enviadas

Historicamente, a SharpSpring tentaria enviar um e-mail para qualquer destinatário de suas listas de contatos que não estivessem na aba Exclusões. No entanto, implementamos recentemente um sistema de prevenção contra abuso de terceiros que pode afetar o tamanho de sua lista devido à supressão de certos endereços de e-mail. Agora, também focamos no nível de engajamento de cada contato.

Nota: a aba Exclusão de uma lista irá exibir o número total de leads atualmente excluídos da lista.

Mensagens Entregues

E-mails entregues são mensagens que foram confirmadas de serem aceitas pelo servidor do destinatário. Normalmente, o caminho mais fácil para calcular a sua taxa de entrega é subtraindo os hard e soft bounces das suas mensagens enviadas e, então, dividir pelo número de mensagens enviadas. O resultado é a porcentagem de e-mails que alcançaram o servidor de seu destinatário.

Sua taxa de e-mails entregues pode fornecer uma quantidade surpreendente de informações sobre sua lista e reputação. Se você constantemente possui uma quantidade baixa de entrega, pode ser prudente contatar a SharpSpring para identificar o que está acontecendo.

Aberturas

Aberturas são todos os e-mails que são clicados e abertos. Outra tendência interessante no ecossistema da entregabilidade de e-mails é a aproximação com a reputação baseada em engajamento. Hoje em dia há uma quantidade considerável de ferramentas e tecnologias disponíveis para remetentes de e-mails. Para ser considerado um bom remetente, é fundamantel ir além do não envio de spam. Você deve buscar enviar e-mails cujos destinatários queiram ler e interagir.

A SharpSpring rastreia a abertura de seus e-mails inserindo um pequeno e transparente pixel rastreador em cada e-mail enviado pela plataforma. Quando o e-mail é aberto no cliente de e-mail do destinatário, o pixel rastreado é renderizado e o evento da abertura é capturado na SharpSpring. Entretanto, se o cliente de e-mail do destinatário desabilitar imagens, as aberturas não serão rastreadas. Isso não acontece com muita frequência e trata-se de uma limitação de todas plataformas de automação de marketing.

As aberturas são um grande indicador de que seus e-mails estão engajando seus destinatários. Elas mostram que o e-mail é interessante o suficiente para eles visualizarem.

Sua taxa de abertura pode ser calculada dividindo o número de e-mails abertos pelo número de e-mails entregues. Entretanto, esta não é uma estatística perfeita, pelo fato de que o destinatário pode precisar abrir um e-mail para se descadastrar ou denunciá-lo como spam. Além disso, existem servidores de serviço de internet (ISPs) que podem reportar uma abertura de forma equivocada se o e-mail for pré-visualizado.

Nota: uma tela de pré-visualização permite que os destinatários visualizem um e-mail sem que seja necessário abrir a mensagem na íntegra. E-mails abertos em uma tela de pré-visualização irão apenas ser registrados como abertos se o cliente de e-mail do destinatário possui imagens habilitadas para a tela de pré-visualização.

Cliques

Uma taxa de cliques é o número de pessoas que receberam um e-mail e então abriram e clicaram para serem redirecionadas ao site pretendido. Em quase todos os casos, isso significa que o seu e-mail despertou o interesse de seu destinatário, possui um conteúdo suficientemente engajante para destacar seu interesse a ponto de o levar a visitar o seu site. Uma alta taxa de cliques - que pode ser calculada pelos cliques divididos pelos e-mails entregues - indica que você está criando campanhas de e-mail de sucesso e alta qualidade. Altas taxas de cliques significam uma boa reputação de envio.

Aberturas e Cliques Individuais

Ao usar aberturas e cliques individuais como uma métrica, você remove o risco de que as suas taxas sejam inflacionadas por uma abertura de um destinatário em especial que abriu ou clicou múltiplas vezes. Isso fornece uma visão mais objetiva de quantos destinatários você engajou.

Reclamações de Spam

Reclamações de Spam são reclamações diretas que a SharpSpring recebe por meio dos loops de feedback do ISP. Esses loops de feedback permitem que a SharpSpring saiba que um destinatário marcou um e-mail como spam. Uma alta taxa de reclamação de spam com um ISP irá impactar negativamente em como as pessoas vêem você enquanto remetente. Quanto menor a taxa de reclamação de spam, melhor. Manter essa taxa o mais baixo possível deve ser uma de suas maiores prioridades.

O teto padrão de indústria para seus envios não deve ser mais alto que 0,1% das reclamações de spam em todos os seus envios. Contudo, a SharpSpring recomenda buscar uma taxa abaixo de 0.08%. Isso porque nem todos os ISPs oferecem loops de feedback para reportar quando um destinatário marca um e-mail como spam. Em outras palavras, uma porção de reclamações de spam não sendo reportadas - mas que ainda estão sob a decisão do ISP acerca do e-mail ser direcionado para a caixa de entrada, a pasta de spam, a lixeira ou ser rejeitado da entrega totalmente.

A SharpSpring está inscrita para receber todos os loops de feedback, mas é importante entender que há porção de seus destinatários que podem estar marcando seus e-mails como spam. Como a SharpSpring não recebe essa informação, não podemos incluir tal reclamação em sua taxa de reclamações de spam. Além disso, a Pesquisa de Descadastramento da SharpSpring pode lhe dar maiores insights sobre como os seus destinatários estão vendo seus e-mails.

Para maiores informações sobre como manter sua taxa de reclamação de spam baixa e a sua taxa de entregabilidade alta, confira o artigo Boas Práticas de E-mail.

Descadastramentos

Na Pesquisa de Descadastramento, a SharpSpring fornece opções para indicar se o destinatário considera o e-mail como spam ou se não consentiu em recebê-lo. Enquanto essa escolha não necessariamente irá afetar sua reputação com ISPs, a SharpSpring usa essa informação internamente para determinar o seu número de reputação e sua reputação de envio. Como o feedback para reclamações de terceiros de spam podem variar entre ISPs, rastrear estes descadastramentos por motivos de reclamações de spam fornece à SharpSpring um loop de feedback interno. Da mesma forma que as reclamações de terceiros de spam, você deve buscar manter estes tipos de descadastramentos no mínimo, confirmando consentimentos e fornecendo conteúdo de qualidade em seus e-mails.

Hard Bounces

Hard Bounces são e-mails rejeitados pelo ISP do destinatário e que são marcados como permanentemente impossível de se entregar. As razões mais comuns para um hard bounce são as de que o e-mail do destinatário não existe, ou de que o endereço para o qual está sendo enviado está formatado de forma incorreta. Enquanto os hard bounces não são necessariamente ruins, uma taxa anormal de bounces pode ser um indicativo de que uma lista esteja inválida.

As taxas de hard bounce também podem indicar uma lista comprada. Listas compradas, em particular, podem ser perigosas, pois podem estar envolvidas com armadilhas de spam de ISP. Comparando com as listas de consentimento, essas listas também possuem uma chance substancialmente maior de ser marcada como spam. Assim, a SharpSpring não permite o uso de listas compradas.

Taxas de bounces são calculadas usando o total de envios como denominador ao invés das entregas, pois as entregas já calculam seus bounces.

Os contatos que receberem hard bounces são automaticamente descadastrados para evitar que e-mails futuros sejam enviados a estes contatos.

Soft Bounces

Soft bounces são e-mails que foram rejeitados pelo ISP do destinatário e que foram marcados como temporariamente impossíveis de serem entregues. Como existem muitas razões para que um e-mail seja temporariamente rejeitado pelo servidor de um destinatário, soft bounces não são um bom indicador de um baixo desempenho de e-mail. Entretanto, a taxa de soft bounces está longe de ser inconsequente. Enquanto um e-mail pode ser rejeitado devido o servidor do destinatário estar cheio, podem haver outras razões. Por exemplo, soft bounces poderiam ser o resultado de uma rejeição baseada na reputação do remetente, ou devido o envio a um domínio protegido.

Um soft bounce dentro da SharpSpring é indicativo de uma falha temporária em fazer a conexão, assim como um erro de tempo esgotado do servidor. Devido à natureza dos soft bounces, podem haver diversas tentativas de fazer a conexão antes mesmo que a falha seja registrada. Assim que o e-mail for registrado como um soft bounce na SharpSpring, o sistema não irá tentar mais uma vez entregar aquele trabalho de e-mail específico. Se um endereço de e-mail experienciar soft bounces repetidamente após diversos envios de e-mail, o sistema irá considerar o endereço de e-mail como impossível de ser entregue e converter o soft bounce como um hard bounce. A conversão para um hard bounce é feita para evitar o risco de futuras falhas na entrega, diminuindo a reputação do remetente.

Supressões

A tabela abaixo apresente os e-mails que a SharpSpring suprime para evitar o envio a destinatários ruins:

Estas supressões não são enviadas à sua lista e devem considerar quaisquer discrepâncias entre o tamanho da lista no momento de envio e o número de envios que são exibidos em seu relatório de trabalho de e-mail.

Ao lidar com endereços de e-mail problemáticos, esteja ciente de que, como existem bilhões e bilhões de endereços de e-mail em uso, identificar endereços inválidos ou tóxicos é uma tarefa impossível de ser feita da perspectiva de um usuário. Ao invés disso, é melhor focar em identificar os contatos que irão engajar com você suficientemente pelas confirmações de consentimento, aberturas e cliques.

Workflows

Os Workflows são limitados em 10% do limite geral de trabalho para uma certa instância, o qual é definido pelo status do remetente da instância. Se o status de remetente for Saudável, e o limite de trabalho for 100.000, então o workflow irá ser limitado em 10.000. Este teto se aplica para um agendamento específico de um certo workflow. O cliente pode alternativamente segmentar a lista em blocos menores a fim de agendar o workflow para um segmento inteiro de leads, se necessário.

Encontrou sua resposta?