Os endereços de e-mail baseados em função são diferentes de outros endereços de e-mail, pois não estão associados a uma pessoa, mas a uma empresa, posição ou grupo.

Comparados a endereços de e-mail pessoais que normalmente interagem numa dinâmica pessoa-para-pessoa, os e-mails baseados em função geralmente servem para distribuir e-mails para uma lista mais ampla de destinatários.

Além disso, os endereços baseados em função são transferidos de um empregado para outro assim que este muda para uma outra função.

Este artigo fornece informações sobre e-mails baseados em função e quais endereços a SharpSpring exclui.

Exclusão de Endereços

Dada a natureza diversa dos endereços baseados em função, eles possuem uma taxa de bounces, descadastramentos e reclamações de spam maior que o normal. Além disso, os endereços baseados em função frequentemente caem em desuso e, consequentemente, são mais fáceis de serem reaproveitados como armadilhas de spam.

A SharpSpring exclui os seguintes endereços:

Falha na Importação de Listas

Quando uma nova lista de contatos de e-mail é importada, a SharpSpring avalia a qualidade geral da lista com base em diversos fatores, incluindo uma avaliação feita por um serviço de verificação de terceiros. Se 45%, ou mais, da lista contêm contatos com endereços de e-mail considerados passíveis de exclusão, inválidos, tóxicos, ou comprados, a SharpSpring não permitirá a importação da lista. Essa medida é tomada tanto para garantir a saúde a longo prazo e a viabilidade da plataforma, quanto para proteger a reputação do próprio remetente.

Encontrou sua resposta?