Os spamtraps (armadilhas de spam) são endereços de e-mail usados pelos ISPs para determinar se os remetentes estão seguindo práticas inadequadas de coleta ou manutenção de listas. Spamtraps ajudam a tornar a Internet um local mais seguro, impedindo que e-mails indesejáveis acabem na caixa de entrada de um destinatário.

Este artigo fornece informações sobre o que são spamtraps, qual a melhor forma de evitar o envio de e-mails para eles, e como colaborar com a SharpSpring na resolução de problemas de status do remetente, resultantes de spamtraps.

Sobre E-mails de Compliance

Existem ocasiões em que você pode receber uma mensagem da equipe de Compliance da SharpSpring, falando sobre ocorrências de spamtraps e, eventualmente, limitando o envio de e-mails. Isso pode parecer assustador, confuso e até mesmo irritante. É por isso que a SharpSpring se esforça, constantemente, para tornar esse processo o mais fácil possível.

Este artigo fornece o conhecimento necessário para que você possa entender o problema. Além disso, apresenta expectativas sobre como superar esse problema com a ajuda dos nossos especialistas.

Leia todo o artigo antes de responder ao e-mail do Compliance. Isso ajudará os especialistas a trabalharem junto com você em uma solução para impedir que os spamtraps ocorram novamente.

Qual a importância dos Spamtraps?

Spamtraps são endereços de e-mail usados por ISPs e blacklists para determinar se os remetentes estão seguindo práticas inadequadas de coleta ou manutenção de listas.

Atingir um spamtrap é prejudicial à reputação do seu domínio, colocando-o e o IP de envio em risco de serem adicionados a blacklists de terceiros. Os ISPs e os filtros de segurança utilizam os dados das ocorrências de spamtraps para ajudar a tornar a Internet um local mais seguro, impedindo que e-mails indesejáveis acabem na caixa de entrada de um destinatário. Isso significa que um problema de spamtraps em suas listas de e-mail pode limitar sua capacidade de alcançar caixas de entrada, mesmo as dos destinatários que desejam receber seus e-mails.

Sendo assim, um problema de spamtrap normalmente é um problema da qualidade da lista, resultado de práticas inadequadas de coleta ou manutenção de listas. Spamtraps acontecem em qualquer plataforma que você usar, pois esse é um problema com os endereços de e-mail da lista de e-mails. O envio de e-mails para spamtraps não resulta em bounces e não é a mesma coisa que reclamações de spam.

No geral, endereços de spamtraps danificam sua capacidade de entrega. Atingir spamtraps diversas vezes reduzirá sua capacidade de enviar e-mail para caixas de entrada e colocará você e a SharpSpring em risco de atingir blacklists. Um único evento de blacklisting pode levar semanas - até meses - até que o remetente se recupere. Tais eventos, via de regra, exigem que você abra mão de grande parte da base de contatos para reabilitar sua reputação.

Tipos de Spamtraps

Spamtraps originais

Endereços de e-mail criados com o único objetivo de identificar spammers. Esses endereços nunca foram associados a uma pessoa real e, portanto, nunca optaram por receber e-mail marketing de qualquer empresa. Se você tiver um spamtrap desse tipo em sua lista de e-mails, foi obtido de forma ilegítima e, se enviada, causará danos à reputação do seu domínio.

Spamtraps originais são colocados na Internet onde podem ser acessados por rastreadores (web crawlers). Também, podem aparecer na sua lista se você usar os serviços de e-appending. Além disso, tais spamtraps podem ser atingidos se você adicionar endereços de e-mail a uma lista, tentando adivinhar supostos endereços de e-mail seguindo padrões de criação de e-mail (exemplo: supor que um endereço de e-mail seja [email protected]).

Spamtraps reciclados

Spamtraps reciclados são endereços de e-mail recuperados que ficaram fora de circulação ativa por um período de tempo. Uma vez abandonados pelo proprietário original, os e-mails enviados para esses endereços atingiriam bounces por um período de tempo. Isso permite que os remetentes tenham a chance de remover os endereços de suas listas de mailing.

Eventualmente, ISPs, blacklists ou outros serviços reativarão o endereço para aceitar e-mails novamente. Qualquer e-mail enviado para o endereço será contado como uma ocorrência de spamtrap. Como esses endereços de e-mail não estão ativos ou vinculados a um indivíduo real - e deveriam ter sido descadastrados quando atingiram bounce - qualquer correspondência de e-mail enviada ao endereço é considerada como enviada sem a permissão explícita do proprietário atual, uma vez que se trata de um spamtrap.

Atingir um spamtrap reciclado, geralmente, é consequência de um envio para uma lista antiga que não foi gerenciada para se ajustar ao envolvimento do destinatário. Você pode proteger a reputação do seu domínio, enviando um e-mail para os contatos engajados e utilizando a Ferramenta de Supressão Baseada em Engajamento da SharpSpring para impedir o envio a contatos não engajados, ao realizar envios de e-mail não essenciais.

Spamtraps de erros de digitação

As armadilhas de spam de erro de digitação são endereços de e-mail que contêm erros de digitação comuns, criados para replicar endereços que podem ter sido registrados incorretamente. Os exemplos incluem [email protected] ou [email protected], pois os domínios usados são semelhantes aos domínios originais.

Os spamtraps de erros de digitação são criados, normalmente, ao coletar endereços de e-mail no ponto de venda. Por exemplo, ao fazer o check-out em uma loja de departamentos, pode ser solicitado que seu e-mail seja inscrito em um programa de recompensas. Um erro ocorre na hora de inserir os dados e [email protected] é inscrito, em vez de [email protected].

Você pode ajudar a evitar spamtraps de erro de digitação usando opt-in duplo em suas listas de e-mail. Isso garante que os endereços coletados só serão adicionados às suas listas de e-mail quando um destinatário clicar em uma mensagem de confirmação. Como os endereços dos destinatários com erros de digitação não receberão o e-mail de confirmação, esses endereços potencialmente perigosos serão mantidos fora de suas listas de correspondência. Além disso, considere revisar regularmente as listas de e-mails para verificar a ortografia correta dos endereços.

Por que a SharpSpring questiona as práticas de listas?

A SharpSpring é sua parceira. Isso significa que investimos em ferramentas e procedimentos para ajudar a identificar problemas nos envios de e-mail que tem o potencial de afetar a sua capacidade de alcançar as caixas de entrada dos seus leads. A SharpSpring, ainda, tem o dever de proteger a plataforma de envio para o bem de todos os remetentes que utilizam ela.

Quando você atinge um spamtrap, o Compliance entra em contato para entender melhor as práticas de suas listas. As perguntas que a SharpSpring faz sobre as práticas de suas listas fornecem informações sobre como os endereços de spamtrap podem ter entrado nelas. Com essa informações, a SharpSpring pode descobrir como tirar os spamtraps da sua lista de e-mails. Os especialistas da SharpSpring são instruídos e treinados na identificação de causas de spamtraps e nas práticas de correção.

Por que a SharpSpring bloqueia ou limita os status de remetente?

Dependendo da gravidade do problema, os especialistas de e-mail da SharpSpring podem achar necessário bloquear todo os seus envios ou limitar a quantidade de e-mails em massa que você pode enviar, até que sejam feitas melhorias. Tais melhorias são as que a SharpSpring acredita que provavelmente resolverão o seu problema de spamtraps.

Esteja ciente de que, como uma plataforma de envio de e-mail, a SharpSpring não toma essa decisão facilmente. O bloqueio ou a limitação de remetentes somente serão feitos se a SharpSpring acreditar que é necessário proteger o remetente e a plataforma de envio como um todo.

Novamente, as ocorrências contínuas de spamtraps diminuirão sua reputação de envio com os ISPs - e essas ocorrências podem até colocar você em risco de eventos de blacklist. Às vezes, é necessário bloquear ou limitar o fluxo de e-mails por um período para impedir que esses eventos ocorram, até que as melhorias possam ser concluídas.

Como a SharpSpring ajuda você?

A SharpSpring ajuda você ativamente com problemas de spamtraps - mas você deve agir de boa fé e fazê-lo em tempo hábil. Dito isso, é fundamental que você responda ao e-mail enviado pela equipe de Compliance com as informações solicitadas.

Com todos os detalhes e informações, nosso especialistas podem rapidamente elaborar recomendações de melhorias que provavelmente resolverão o problema e melhorarão a saúde da reputação de remetente. As melhorias que devem ser concluídas antes que a SharpSpring possa permitir o envio regular novamente. Por mais que a equipe de Compliance queira ajudar, essa parte do processo depende que você conclua as melhorias necessárias em suas listas de e-mails.

Esteja ciente de que os especialistas não poderão fornecer recomendações personalizadas se você não responder ao e-mail com as informações solicitadas. A SharpSpring prefere fornecer recomendações de melhoria personalizadas ao invés de recomendações gerais. É improvável que recomendações gerais resolvam o problema, sem remover muitos contatos de suas listas por exemplo.

O que esperar da comunicação e do prazo de solução em questões de Compliance?

Os especialistas da SharpSpring trabalham para resolver essas questões o mais rápido possível. Embora façam o possível para responder e-mails e agendar chamadas de maneira ágil, o volume de solicitações pode influenciar o tempo de resposta. Alguns eventos de spamtraps exigem pesquisas mais aprofundadas para fornecer recomendações adequadas e personalizadas. Assim, quanto mais cedo você responder ao e-mail inicial com as informações solicitadas, mais rapidamente os especialistas poderão fornecer recomendações de melhorias.

No entanto, a equipe de Compliance não possui uma linha telefônica direta. Como eles não fazem parte diretamente da equipe de suporte, você deverá responder ao e-mail inicial recebido. Ao responder com as informações solicitadas, você também pode incluir uma solicitação para agendar uma ligação, se desejar discutir o assunto mais a fundo.

Embora cada caso de Compliance seja diferente devido à gravidade e à causa do problema, o tempo médio necessário para resolver uma ocorrência de spamtrap é de 1 a 3 dias úteis. Esteja ciente de que o tempo necessário para resolver casos depende da rapidez com que a SharpSpring recebe as informações solicitadas, bem como a rapidez com que você possa implementar as melhorias. Dito isto, sempre vamos trabalhar juntos com o objetivo de ajudá-lo a resolver esse problema o mais rápido possível.

Exemplos de recomendações de melhorias

Cada recomendação que a SharpSpring fornece depende das suas práticas de e-mail, listas, conteúdo. etc. Abaixo, alguns exemplos de recomendações mais comuns de melhoria em casos envolvendo spamtraps:

  • Descadastre contatos suspeitos. Contatos coletados através de métodos conhecidos por causar spamtraps ou o envio para contatos com um registro de bounces, descadastramentos e reclamações de spam de uma plataforma de envio anterior, apenas danificarão sua reputação de envio. Cancelar a inscrição desses contatos é essencial.
  • Remova contatos que não engajaram com o seu conteúdo após o envio de vários e-mails. Os proprietários de spamtramps raramente abrem e-mails. Por isso, um bom método para solucionar problemas de spamtraps é filtrar contatos que não estão engajados. Isso é benéfico, pois contatos não engajados costumam resultar em baixa capacidade de entrega, mesmo sem um problema de spamtrap. Cancelar a inscrição ou remover esses contatos de suas listas pode ajudar a aumentar sua capacidade de entrega.
  • Utilize a Ferramenta de Engajamento de E-mail da SharpSpring. A ferramenta ajuda a suprimir o envio de e-mail para contatos não engajados e evita o envio de e-mails não essenciais para contatos com baixo engajamento.
  • Realize uma campanha de reconfirmação. Reconecte e envolva novamente os seus contatos, confirmando a assinatura contínua dos seus e-mails. Ao mesmo tempo, remova os contatos que não confirmarem a continuação da inscrição nos seus e-mails. Fazer isso ajudará a resolver o problema da spamtrap. Além disso, ajudará a melhorar a sua capacidade alcançar as caixas de entrada dos leads, aumentando assim as possibilidades de abertura e engajamento.

Evitando Spamtraps futuros

Mesmo depois de resolver o problema de spamtrap, podem haver ocorrências futuras. Os endereços de spamtrap aparecem e mudam constantemente, portanto, você deve sempre estar atento ao enviar e-mails. Prevenir outros problemas de spamtraps deve ser uma meta permanente. Considere o seguinte ao manter listas de contatos limpas:

  • Configure e use métodos de opt-in duplo. Permitir que seus destinatários aceitem o receber e-mails é fundamental para esforços de automação de marketing. Nesse sentido, contatos que realizam o opt-in estão ativamente confirmando seu desejo de serem adicionados às suas listas de mailing. Certifique-se de seguir os melhores métodos de coleta de listas, para que apenas os contatos que fizeram o opt-in diretamente sejam adicionados às suas listas.
  • Configure a automação de reconfirmação. Essa automação enviará automaticamente um e-mail de reconfirmação aos contatos que não engajaram com o seu conteúdo, após um período designado. A automação também cancelará a inscrição de contatos que não confirmaram sua assinatura contínua. A reconfirmação proativa de contatos mantém sua lista limpa e cheia de contatos engajados.
  • Utilize a Ferramenta de Supressão Baseada no Engajamento da SharpSpring. A SharpSpring recomenda sempre suprimir contatos não engajados. Além disso, considere suprimir contatos de baixo engajamento para envios de e-mail não essenciais. Esse é um método comprovado para alcançar mais mensagens em caixas de entrada - e-mails que acabam sendo mais frequentemente abertos e clicados.
Encontrou sua resposta?